segunda, 11 de março de 2019 - 08:53h
Waldez Góes reforça unidade de gestores e parlamentares em favor da saúde pública
Em encontro com prefeitos, governador enalteceu a maturidade dos políticos amapaenses na busca por melhorias na assistência à saúde da população.
Por: Maiara Pires .Colaboradores: Eloisy Santos
Foto: Philippe Gomes/Secom
Pronunciamento de Waldez Góes foi feito durante agenda do ministro da saúde, Luiz Henrique Pandetta, no Amapá

O governador Waldez Góes reforçou a importância da união de todos os agentes públicos na estruturação das unidades de saúde. Ele enalteceu a maturidade política de gestores e parlamentares na busca por melhorias na assistência à saúde da população. O pronunciamento foi feito neste domingo, 10, durante encontro com prefeitos ocorrido no Ceta Ecotel, em Macapá, como parte da agenda cumprida pelo ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta, no Estado.

“A união de todos ajudou a construir esse momento. Hoje, a bancada federal do Amapá tem novos integrantes que já estão engajados nessa interlocução com o governo federal na busca de emendas para diversas áreas. Mas os parlamentares anteriores também fizeram a sua parte, deram a sua contribuição para alocar recursos em obras importantes para o Amapá”, ratificou o governador.

A bancada federal amapaense já definiu e enumerou obras prioritárias em que todos trabalharão conjuntamente para destravar o desenvolvimento da região. Sobre isso, o governador solicitou ao presidente do Senado Federal, Davi Alcolumbre, durante o encontro com prefeitos, que seja incluída a obra do Hospital da Criança e do Adolescente (HCA).

Waldez também lançou a proposta de se destinar uma emenda específica para construir outro espaço de urgência e emergência, por exemplo, no Hospital Universitário que está sendo erguido nas dependências da Universidade Federal do Amapá (Unifap), em Macapá. Ou para o novo Hospital de Emergências que o governo já está debruçado no projeto.

O chefe do Executivo também pontuou a complexidade para retomar a obra da Maternidade do Hospital Estadual de Santana, também visitada neste domingo pelo ministro Mandetta. E disse que deve enviar ao Ministério da Saúde, no prazo de 60 dias, todos os projetos relativos a essa obra.

Carta de Intenções

Uma carta de intenções com demandas dos prefeitos amapaenses foi entregue ao ministro Luiz Henrique Mandetta. Entre elas, está a flexibilização da Portaria nº 3992/2017, que trata do financiamento e da transferência dos recursos federais para as ações e os serviços públicos de saúde.

Foi levantada a possibilidade de injeção de recursos do Ministério da Saúde nos municípios, sem fazer desembolso, aproveitando apenas os resíduos de recursos financeiros que existem em contas de média e alta complexidade que os municípios não conseguem aplicar, por falta de normatização.

Outra pauta apresentada foi a carência de profissionais do programa Mais Médicos. A Prefeitura de Macapá, por exemplo, apresentou ao ministro um déficit de 20 médicos na atenção básica.

NEWSLETTER

Receba nossas notícias em seu e-mail ou celular.

SESA - Secretaria da Saúde
Av. FAB n° 069 - Centro. CEP: 68908-908. Macapá-Ap - (96) 2101-8551 - infosaude@saude.ap.gov.br
Site desenvolvido e hospedado pelo PRODAP - Centro de Gestão da Tecnologia da Informação
2017 - 2019 Licença Creative Commons 3.0 International
Amapá